Silêncio!

E eu que adoro o barulho do silêncio?! Se a ti parece estranho pra mim é muito bom. Gosto sim do barulho do silêncio. Gosto de estar só com meus pensamentos. Gosto de me perder, me transformar. De me ouvir silenciosamente.

De escutar a zuada da minha angústia e a felicidade que ainda não gritei. É tão gostoso falar só pra mim de vez em quando. Talvez porque assim eu sinta como é bom ser eu, como é bom gostar de mim.